Mídias Sociais

  • Curta no Facebook!
  • Siga-nos no Twitter!

 

 

Empresas Coligadas

 

 

 

Notícias

 

Oportunidade para o Corretor: produto cresceu 24,3% em plena crise na economia

17/1/2018 - CQCS

Compartilhe:

 

Em tempos de instabilidade na economia e de altas taxas de desemprego, os seguros prestamistas, que garantem o pagamento das dívidas do segurado em caso de perda do emprego ou morte, vem crescendo bem acima da média do mercado.

Segundo dados oficiais da Susep, a receita apurada de janeiro a novembro do ano passado, da ordem de R$ 8,1 bilhões, foi 24,3% maior que a registrada no mesmo período em 2016.

A autarquia apurou ainda que a taxa média de sinistralidade na carteira caiu de 20% para 18%.

Os sinistros ocorridos até novembro passado somaram pouco mais de R$ 1,2 bilhão, o que representou uma queda de 3,1% em comparação aos onze primeiros meses do exercício anterior.

Já as despesas comerciais, que englobam as comissões de corretagem e campanhas promocionais, chegaram a R$ 2,6 bilhões no acumulado de janeiro a novembro do ano passado, com avanço da ordem de 9,2% em relação a igual período de 2016.